domingo, setembro 30, 2012

Coluna S&E - Jornal A Voz da Razão de 30/09/2012

0 comentários
Adiantado.
A Rússia sediará a Copa do Mundo de 2018 e para tanto, tem surpreendido (positivamente) a todos. A organização Russa divulgou a disponibilidade do dobro do orçamento ( cerca de R$ 38,9 bilhões ) previsto, quando a Rússia foi escolhida em 2010.  Onze cidades sedes serão utilizadas e os estádios será ultra-modernizados.
Sossegado.
Com a vitória sobre o Sport Recife ( 3 x 0 ) o Corinthians alcançou 39 pontos na tabela de classificação do Brasileirão. Quando chegar aos 45 e atingir a "zona de conforto" e livre do rebaixamento, os titulares passarão a ser poupados. O objetivo então, será o Mundial de Clubes da Fifa.
Difícil.
Com aproveitamento de apenas 27% ( 22 pontos em 81 disputados), o Figueirense de Florianópolis precisará melhorar e muito, para evitar o rebaixamento para a Série B Nacional. Precisará fazer mais 23 pontos dos 33 ( 69% dos pontos) a serem disputados e assim, atingir a marca de 45; projetada como mínima para escapar da degola.
Subindo.
O Cricíuma está bem desde o inicio.  O Joinville acertou o passo e agora é o Avaí de Florianópolis que se "encontrou" na Série B do Campeonato Brasileiro. Todos no páreo pelo acesso a elite do futebol Brasileiro.
Recomeço.
Depois do "tropeço" diante do Camboríu, o Metropolitano de Blumenau estreou na Copa Santa Catarina. Venceu ao Marcílio Dias por 4 x 0 em casa(foto) e entra na briga pela vaga na Copa do Brasil e na Série D de 2013.
Complicado.
Com 6 pontos e na 8ª posição na Tabela do Returno da Divisão Especial, a classificação para as Semifinais ficou difícil. O XV de Indaial poderá apenas cumprir tabela nas 3 rodadas restantes. Pela frente, Concórdia (em casa) e Imbituba e Caxias de Joinville (ambos fora).
Amador - Semifinais.
Canto do Rio x Salto do Norte e Botafogo de Pomerode x Clube 1º Braço de Massaranduba. Estes os jogos da Rodada de Ida das Semifinais da Copa Afablu de Futebol Amador Regional de 2012. Em ritmo de decisão.
Reflexão.
"Não morre aquele que pela virtude perece". - Plauto
Foto: Silvio Kohler/AP

Recomeço: CAM 2 x 0 Marcilio Dias

domingo, setembro 23, 2012

Coluna S&E - Jornal A Voz da Razão de 23/09/2012.

1 comentários
Eleição.
O Tatu-bola é o mascote oficial da Copa do Mundo do Brasil de 2014.  No site oficial da FIFA, você pode votar nas três opções disponíveis (Amijubi, Fuleco ou Zuzeco) e assim, participar da definição do seu nome. Em cada cidade sede, haverá uma réplica (com 7 metros altura) do mascote.
Vacilo - 1.
Depois da 'ressaca' da desclassificação da Série D do Campeonato Brasileiro, 'sobrou' a Copa Santa Catarina para o 'fechamento' do calendário 2012 do Metropolitano de Blumenau.  Na estréia, 'vacilo' diante do Camboríu.  Para 'encontrar' o caminho, Luis Carlos Barbieri assumiu o Comando Técnico. É a 2ª passagem de Barbieri pelo clube.
Vacilo - 2.
O XV de Indaial começou o Returno da Segundona Barriga-verde, tal qual o Turno: Desperdiçando pontos. Terá que correr e muito, atrás do prejuízo. O campeão do Returno também subirá para a Divisão Principal,  'céu' do futebol profissional de Santa Catarina.
Está errado.
As associações de clubes, as Federações Estaduais e CBF, ao permitir que clubes sem estrutura alguma; participem de competições de futebol profissional.
Está certo.
"Sempre honrei a camisa que vesti. Sempre olhei na cara do torcedor. Nunca faltei a um treino. Nunca inventei uma contusão para 'escapar' do trabalho. No meu tempo, quem pagava o time era a torcida. A gente entrava em campo e olhava para arquibancada. Casa cheia, salário garantido.  Hoje, quem manda é a televisão e o patrocinador. Hoje, temos times sem alma, sem vergonha na cara." Alex (foto) zagueiro do America Carioca de 1967 a 1978 .
Amador 1 - Pra frente.
No Campeonato Brasileiro de Juniores, organizado pela Confederação Brasileira de Remo na raia da Universidade de São Paulo, o Clube Náutico América (com a dupla Jean Patrick Scherer e Willian Del Pra Busarello) conquistou o 3º Lugar na classificação geral na Categoria Double Skiff.
Amador 2 - Decisão.
Quartas de finais da Copa Afablu de Futebol Amador Regional de 2012, iniciaram no último final de semana. Garantia de bons jogos pelos estádios da região do Vale do Itajaí.
Reflexão.
"A adversidade faz do homem um sábio". Sêneca.
Foto: Silvio Kohler/AP
Ex-Zagueiro Alex do America Carioca

segunda-feira, setembro 17, 2012

Especial 1 - America 108 Anos de Amor.

1 comentários
18 de Setembro de 1904.
Nasceu na cidade do Rio de Janeiro, o America (sem acento) Football Club. Foi grande. Criou. Inovou. Venceu. O America tinha lideranças que o levaram a conquistas históricas, nos "tempos românticos" do futebol. Os fundadores, Belfort Duarte e Placido Monsores entre outros, são sempre lembrados.
Com o Vasco e no "clássico da paz" unificou o futebol carioca na década de 30.
Na década de 40, tornou-se (pelas mãos do cartunista Argentino Molas) o "Diabo" do futebol Carioca. Assustava e era temido. São 7 títulos cariocas. Participações no Rio-São Paulo, Taça de Prata, Robertão.
Entre os 40 jogadores do Tri Mundial no México em 1970, 3 eram do America: O zagueiro Alex, o lateral esquerdo Zé Carlos e o meia Edu. Fizeram parte das "feras do Saldanha" (João Saldanha, o Treinador que classificou o Brasil para a copa e depois, foi substituído por Zagallo).
De 1971 até 1986, participou do Campeonato Brasileiro da 1ª Divisão.
Em 1987, o golpe:  Mesmo como 3º colocado no ano anterior, foi "rebaixado" (pelo "clube dos treze") da 1ª Divisão Nacional em 1987.  Em 1988 e "em cima da hora" foi trazido "de volta". Sem planejamento, "caiu" dentro de campo. Para nunca mais voltar.  Mesmo assim, ocupa em 2012 a 45ª posição (com 478 pontos) no Ranking Oficial de Clubes da CBF. Não é pouco. Está (ainda) a frente de clubes como Atlético Goianiense, ABC, Brasiliense, Caxias-RS, etc...
Aliado ao "descaso" dos demais "irmãos grandes" a politica interna do America já o vinha matando lentamente. Grupelhos "brigando" eternamente pelo poder. Quem o conquistava, era atacado sistematicamente por quem o desejava: era a eterna prática do "quanto pior! melhor".  Pobre America.
"Cada vez mais Ameriquinha" foi o título de uma reportagem do Jornalista e "Americanissimo" José Trajano para a Revista Placar em 1972.  A frase continua "atualíssima".
Na década de 80 e sem lideranças que o mantivessem no rumo vencedor do passado, o America [que já tinha destruído seu belo estádio na Rua Campos Salles para 25.000 pessoas(inaugurado em 1954) para "construir" sua nova sede social], vendeu o Estádio Wolney Braune (hoje Shopping Iguatemi) no Andaraí.
O futebol Americano ( a letra F da sigla AFC) ficou pária. Rodou por diversos estádios e inclusive, foi para Niterói (Estádio Caio Martins). Somente em 2000 e inclusive com a "venda" de sua participação no Iguatemi, o America "inaugurou" seu Estádio em Edson Passos (distrito de Mesquita) na Baixada Fluminense.  O Clube Carioca e Tijucano "atirou" em seu pé mais uma vez. Fugiu de suas origens e de sua torcida. Passou a "tentar" recriar-se na baixada.  Com isso, o processo de morte do America só ganhou força.
Em 2008, um tiro no "coração do Diabo": Foi rebaixado para a 2ª Divisão Estadual. Voltou em 2010 e "caiu" novamente em 2011. O futebol do America agoniza. Pede socorro. Faltam lideranças, dizem alguns. Falta profissionalismo, dizem outros.
Para o ex-zagueiro Alex (eleito para a seleção do centenário do clube em 2004), ídolo e exemplo de amor ao clube, a solução é simples. " É só seguir o hino do clube que diz .. fabricamos aos montes aos dez.... O America sempre foi bem revelando jogadores. Com seu futebol de base forte, o clube vendia revelações, fazia caixa e montava bons times. Não existe outro caminho para o clube, fora este. Qual a última revelação do America? Quanto o clube ganhou?".
A sofrida e amargurada, mas fiel e apaixonada Torcida Americana, resiste. Acredita que "tudo pode mudar".  A partir da união (como diz seu hino ao final .. America unidos vencerás...) de todos os Americanos.
Por enquanto, é esperar. Apreciando um 'grão' (no link do jovem Americano Gabriel Sawaf de Curitiba) de um America grande, cada vez mais distante:
Veja no link:

http://www.youtube.com/watch?v=d03kUVnao4M&feature=related

Alex e Silvio: "Base forte, America forte".

domingo, setembro 09, 2012

Coluna S&E - Jornal A Voz da Razão de 10/09/2012

0 comentários
Risco baixo.
O Corinthians Paulista joga o Brasileirão 2012, planejando sua participação no Mundial de Clubes Fifa. Em 12 de Dezembro, o Timão entrará no Toyota Stadium de 'olho' no mundo. Com 31 pontos no Brasileirão, precisará chegar a 45 pontos para escapar do 'risco' de rebaixamento. 
Risco alto.
Com 19 pontos obtidos em 69 pontos disputados, o Figueirense de Florianópolis precisa mais do que dobrar sua performance nas 15 rodadas restantes do Brasileirão. Serão necessários 26 pontos em 45 a serem disputados. 
Eliminado.
O torcedor compareceu e apoiou. Havia a vantagem do empate. Com ela, o 'Verdão Grená' se acomodou. Acabou derrotado pelo futebol simples mas aplicado do Mogi-Mirim, o 'Sapo' de São Paulo. Ele apareceu no Estádio do Sesi em Blumenau para eliminar o representante de Santa Catarina da Série D 2012.  
Consolo.
Fora da Série D Nacional, sobrou ao Metropolitano de Blumenau em 2012; a disputa da Copa Santa Catarina. A competição será disputada por apenas 4 clubes (Camboriú, Marcílio Dias de Itajaí, Joinville e Metropolitano) e com inicio em 19 de Setembro.
O Bugre voltou.
O Guarani de Palhoça venceu (no jogo de ida havia sido derrotado por 2 x 1) ao Atlético Tubarão por 1 x 0 e com a vitória, sagrou-se campeão do Turno da Segundona Catarinense. Garantiu também (depois de quatro anos ausente), sua volta para a Primeira Divisão em 2013.
Amador - Começou.
Em 1 º de Setembro e no Estádio da ADR Karsten, o 1º Campeonato de Futebol Feminino "Feras da Bola" de Blumenau e Região.  No jogo de abertura (foto), a Karsten venceu ao C.C.Tiro Velha Central por 2 x 1. 
Reflexão.
"De fonte limpa corre água limpa". - Teógnis.
1º/09/2012 - Abertura "Feras da Bola" na  ADR Karsten

domingo, setembro 02, 2012

Stadion Homenagem: Adeus 'Beijinho doce'.

1 comentários
Morreu ontem no Rio de Janeiro e em decorrência de um AVC, José Carlos dos Santos; que no futebol era apenas Ruço.  Volante contratado em 1975 junto ao humilde Madureira Carioca pelo 'folclórico' Presidente Corinthiano Vicente Mateus para compor o elenco do Alvi-negro de Parque São Jorge, Ruço ficou 'marcado' no coração Corinthiano. Com muita garra, ganhou espaço no time. Ganhou também, o coração do torcedor Corinthiano.
Em 1976 nas Semifinais do Campeonato Brasileiro e no jogo da 'invasão' (mais de 70.000 Corinthianos foram de São Paulo ao Rio para incentivar o time), Ruço marcou o gol do empate (foto) e como sempre, saiu distribuindo beijos para a torcida. Ganhou o apelido de 'Beijinho doce' do Locutor Osmar Santos.
O 'Timao' eliminou (nas penalidades máximas) a 'Máquina Tricolor' de Francisco Horta (com Rivelino & Cia.) mas acabou 'caindo' na partida (única naqueles tempos) final, ante ao Internacional do Treinador Rubens Minelli, que tinha Figueroa, Falcão & Cia. 
Em 13 de Outubro de 1977, Ruço participou da conquista estadual diante da Ponte Preta, quebrando o longo jejum de títulos do clube Paulista.
Além do Corinthians e do Madureira, Ruço jogou ainda entre outros clubes; no Botgafogo, Cruzeiro e no Juventus-SP.
Adeus 'Beijinho doce'.
Foto: AWL
1976: Ruço (entre Geraldão e Neca) marca sobre o Flu e vai comemorar

sábado, setembro 01, 2012

Futebol Amador: Começou...

0 comentários
na tarde de hoje(fotos) no Estádio da Associação Desportiva e Recreativa Karsten em Testo Salto/Blumenau, o 1º Campeonato de Futebol Feminino Adulto "Feras da Bola" de Blumenau e Região.
Com coordenação da Liga Blumenauense de Futebol, seis equipes disputam a competição que terá patrocinadores oficiais para custeio de arbitragens e ainda, premiações diversas.
Antes da bola rolar valendo pontos, aconteceu a Solenidade de Abertura da competição.  Apos o Desfile das Delegações, destaque para a presença da Banda do 23º Batalhão de Infantaria de Blumenau com a execução do Hino Nacional.  Na presença de autoridades esportivas da região, o público que compareceu  buscou incentivar as atletas durante todo o jogo.
Ao apito inicial de Joice da Silva Pereira, muito equilíbrio, marcação forte e movimentação de ambas as equipes. Jogando em seus domínios, a ADR Karsten da Treinadora Nádia, buscava sempre ser ofensiva. Por sua vez, a equipe do Clube de Caça e Tiro Velha Central do Treinador Leandro, buscava os contra-golpes.  Em um deles e ainda na etapa inicial, a meia e camisa 10 Bianca do Clube de Caça e Tiro finalizou por cobertura de fora da área, pegando a goleira Marcela um pouco adiantada: Gol e muita festa das visitantes. Gol para ficar na história do futebol amador de Blumenau.
As 'donas da casa' no entanto, não sentiram o gol. Adiantaram a marcação e aumentaram a pressão na busca da reversão do placar adverso.  Ali apareceu então, o futebol da camisa 15 e meia-atacante Eliana, a 'Pingo'.  Ela já vinha 'infernizando' (ao lado de sua companheira Marília) a vida do sistema defensivo visitante. Passou então, a levar verdadeiro 'panico' com sua movimentação ofensiva. Aos 34' e já dentro da área adversária, ela finalizou no canto esquerdo da goleira Jéssica, que nada pode fazer. Gol da Karsten e igualdade no placar.  Antes do apito final do 1º tempo a virada: Ela, 'Pingo', aproveitou o bate-rebate dentro da área do Caça e Tiro para finalizar rasteiro e cruzado no canto direito: Gol da Karsten e da virada no placar.  Festa das anfitriãs e fim do primeiro tempo.
Na volta do intervalo, mudou o cenário inicial do confronto: As visitantes do Clube de Caça e Tiro passaram a buscar o ataque e a ADR Karsten retraiu seu posicionamento, buscando 'encaixar' os contra-ataques. Ambos os treinadores promoveram substituições, a movimentação e a marcação forte foi mantida durante todos os 35' do 2º tempo. O placar no entanto, não mais se alterou.
Sem acréscimos, Joice da Silva Pereira (auxiliada por Jessé Rafael Schiochet e Sidnei Correia) encerrou o jogo.
Na tarde de Domingo, o fechamento da 1ª Rodada, com o jogo Tupi de Gaspar Asa Branca de Rodeio, no Estádio Carlos Barbosa Fontes em Gaspar.
Fotos: Stadion/Silvio Kohler
Emtrada e Desfile das Delegações no Estádio da Karsten
ADR Karsten(vermelho)  2  x  1 C.C.Tiro Velha Central