quinta-feira, março 31, 2011

Catarinão: Imbituba vacila e pode perder mais pontos no Catarinão 2011.

Contra o Avaí em 27 de Janeiro pela 4ª Rodada do Turno, Luan recebeu o 1º cartão amarelo (aos 32 minutos do primeiro tempo) na competição, por ‘derrubar um adversário’. O jogo é o de número 17 da Tabela Oficial do Campeonato Catarinense da Divisão Principal de 2011.
Na Rodada seguinte, a 5ª do Turno e diante do Criciúma em 30 de Janeiro, Luan recebeu o 2º cartão amarelo e assim, deu seqüência a sua série de advertências na competição. Foi aos 13 minutos do 2 º tempo e por ter ‘retardado o reinicio do jogo’. Este jogo é o de número 25 da Tabela Oificial do Campeonato Catarinense da Divisão Principal de 2011.
Na 6 ª Rodada do Turno (jogo de número 26 da Tabela Oficial e diante do Brusque em 2 de Fevereiro) Luan não recebeu advertência alguma.
Já na Rodada seguinte (a 7ª do Turno e diante do Metropolitano de Blumenau), Luan voltou a ser advertido. Foi o jogo de número 35 da Tabela Oficial e realizado no dia 6 de Fevereiro. Aos 43 minutos do segundo tempo, ele recebeu cartão amarelo ‘por jogo brusco’. Foi o Terceiro Cartão Amarelo dele na competição.
Tudo o que está descrito acima, está contido nas sumulas oficiais dos jogos do Imbituba Futebol Clube Ltda.–ME, publicadas no site oficial da Federação Catarinense de Futebol.
Na 8ª Rodada do Turno, o Imbituba jogou diante do Joinville (jogo de número 37 da Tabela Oficial em 10 de Fevereiro) e Luan da Silva Henrique (o lateral Luan) atuou. De forma irregular, pois deveria cumprir suspensão automática porque acumulava 3 cartões amarelos.
Na Rodada seguinte (a 9ª e última do Turno) em jogo diante do Figueirense em 13 de Fevereiro, Luan também atuou. Foi o jogo número 44 da Tabela Oficial da Competição.
Luan também atuou no jogo seguinte da Tabela Oficial da Competição, válido pela 1ª Rodada do Returno. Foi diante do Marcilio Dias em 4 de Março e o jogo foi o de número 51.
Luan ainda atuou no jogo de número 56 (diante do Concórdia em 9 de Março). Neste Jogo, Luan recebeu Cartão Amarelo. Foi aos 29 minutos do 2º Tempo e por ‘reclamar acintosamente’.
Veja abaixo, um resumo disso tudo e a infração cometida pelo Imbituba.
Infração configurada: Atleta atuou sem cumprir a suspensão automática após receber o terceiro cartão amarelo.
Nome do Atleta: Luan da Silva Henrique
Cartões Amarelos:
(1º) Jogo 17 - Avaí 0 x 1 Imbituba
(2º) Jogo 25 - Imbituba 0 x 0 Criciúma
(3º) Jogo 35 - Metropolitano 2 x 3 Imbituba
O atleta deveria cumprir a punição automática no Jogo 37 - Imbituba 3 x 4 Joinville, no entanto, o atleta ATUOU nesta partida, assim como nas partidas seguintes, conforme abaixo:
Jogo 44 - Figueirense 4 x 1 Imbituba
Jogo 51 - Marcílio Dias 1 x 0 Imbituba
Jogo 56 - Imbituba 3 x 0 Concórdia
Na partida 56 o atleta foi advertido com cartão amarelo, não tendo sido relacionado na partida seguinte: Jogo 62 - Chapecoense 2 x 2 Imbituba.
Foto: Site Oficial Imbituba: Luan(nº 6) diante do Criciúma.

5 comentários:

Anônimo disse...

Varzea heim? e a Federação que não bota o dedo nisso tudo cara.

Mirante do Je disse...

E os clubes que é que vão controlar seus cartões? A culpa não é só da federação nao.

Cristiano disse...

Repórter Sidinei de Souza, da 89FM Imbituba, me disse: no jogo Metropolitano 2x3 Imbituba, quem recebeu cartão amarelo foi o jogador Anderson, nº 8. O Imbituba recorreu e apresentou Video ao tribunal corrigindo o erro do árbitro João Fernando da Silva. Dadá trocou 8 pelo 6...
Segundo Sidinei, o Anderson não jogou domingo contra o Brusque, pois foi considerado este cartão de Blumenau.

Cristiano disse...

Agora cabe a FCF/TJD vir a público e confirmar ou desmentir esta versão

Tuca Lima disse...

por isso que o futebol vai acabar. Tudo um bando de preguiçoso e ainda acham que o torcedor é burro. pqp