domingo, junho 10, 2012

O Campo Grande já foi. Agora o São Cristóvão.


O Campo Grande já tinha ido e sequer tem disputado, a Terceira Divisão de Futebol Profissional do Estado do Rio de Janeiro. Em 2012, acabou excluído da competição por dívidas com a Federação. Ninguém sabe, se um dia o Campeão da Taça de Prata de 1982 (equivalente a atual Série B do Campeonato Brasileiro)  voltará a orgulhar os torcedores e o moradores do bairro de quem herdou o nome, na zona oeste do Rio de Janeiro.
Agora é a vez do São Cristóvão. O clube que 'deu' Ronaldinho Fenômeno para o futebol. São 113 anos de história. O São-Cri-Cri deu o maior artilheiro de todas as Copas do Mundo e mais que isso,  já foi campeão carioca. No já distante ano de 1926. Em 1934 foi vice. Estava a quase 20 anos, sofrendo na Segundona. Neste final de semana (sem jogar) foi rebaixado para a Terceira Divisão.  O Mesquita venceu ao Imperial por 1 x 0 e assim, não pode mais ser alcançado na disputa do Grupo X (Grupo da Morte) pelo São Cristóvão, que foi rebaixado junto com o Carapebus.
Quem gosta de futebol, não pode deixar de lamentar por isso. E torcer para que um dia, o São-Cri-Cri volte. Fotos: Arquivos ARS
Ronaldo Fenômeno na Rua Figueira de Melo
Estádio Figueira de Melo em 1940

Nenhum comentário: