sábado, maio 29, 2010

Coluna Stadion - Jornal A Voz da Razão de 28/05

Equívocos. Pune-se (com a proibição da paradinha) o futebol. Pune-se (com advertências) quem comemora os gols. Pune-se os craques como o meia Alemão Michael Ballack (agredido covardemente pelo zagueiro Boateng) com a ausência da maior festa (a Copa) do futebol. Quem ganha com tudo isso?
Distância inoportuna.
A Seleção Brasileira de Dunga e Jorginho não pode e não deve se manter distante do torcedor. A Seleção deve estar próxima do povo e o povo, próximo a ela. Blindagem para que?
Sobrou também.
Para o Flamengo (tal qual para o Corinthians) sobrou o 'Brasileirão' para salvar a temporada. Internacional e São Paulo se encontrarão nas Semifinais e quem passar, deverá ser o 'dono da América' em 2010.
Fôlego.
O Avaí do Treinador Péricles Chamusca está mostrando bom futebol no inicio do Brasileirão. Que consiga dar sequência para chegar bem na reta final. O bom fôlego do time tem um responsável: Emerson Buck, preparador físico que passou pelo Metropolitano de Blumenau em 2007.
Mudança rápida.
Cléber 'Clébão' Américo não apresentou os resultados esperados e agora é a vez de Mauro Ovelha (de novo) no Comando Técnico do Metropolitano de Blumenau. Se a Copa Santa Catarina não vier para Blumenau, a Série D (onde Ovelha teve exito em 2009) passará a ser fundamental.
A volta da tradição.
Nova Aurora do Ribeirão Fidelis e Canto do Rio Progresso, são dois clubes amadores tradicionais que voltaram a campo na Copa Kaiser Blumenau 2010 (foto) de Futebol Amador Regional.
Provérbio Árabe.
"Quem não entende um olhar, muito menos entenderá uma longa explicação."

Um comentário:

Dico disse...

Muita mala do Brasil e do jeito que pensam que jogam, vão levar fácil.Será mesmo? Vão ficar pelo caminho.